News
Loading...
Blog Parceiro

Reflexão sobre a Crise


Sr. Roberto vendia cachorro-quente à beira de uma estrada, e quase não ouvia notícias do rádio e tv, mas vendia bons cachorros-quentes.

Com o passar do tempo as vendas aumentaram, ele comprou um fogão maior para atender seus clientes, o negócio continuou prosperando, e o Sr. Roberto conseguiu mandar o filho pra estudar na capital.

Após graduar-se na universidade, seu filho voltou pra casa e, depois de alguns dias lhe disse:

– Pai, você não ouve rádio, não lê jornais? Você não sabe que uma grande crise se estabeleceu e que a situação do nosso país é muito ruim?

O Sr. Roberto então pensou: “Meu filho estudou na capital, lê jornais, ouve rádio; certamente ele sabe o que está dizendo”.

Abatido pelas notícias de crise, Sr. Roberto então começou a diminuir as compras de salsicha e pão, substituiu os produtos por outros mais baratos e de qualidade inferior, tirou os cartazes de propaganda da estrada, e já não mais oferecia os cachorros-quentes em voz alta.

As vendas foram caindo, caindo, e depois de algum tempo, ele disse ao filho:
– Você tinha razão, nós estamos no meio de uma grande crise!

Em uma de suas reflexões Albert Einstein chegou a seguinte conclusão:

"Não pretendemos que as coisas mudem, se sempre fazemos o mesmo.

A crise é a melhor benção que pode ocorrer com as pessoas e países, porque a crise traz progressos. A criatividade nasce da angústia, como o dia nasce da noite escura. É na crise que nascem as invenções, os descobrimentos e as grandes estratégias.

Quem supera a crise, supera a si mesmo sem ficar “superado”.

Quem atribui à crise seus fracassos e penúrias, violenta seu próprio talento e respeita mais aos problemas do que as soluções. A verdadeira crise é a crise da incompetência.

O inconveniente das pessoas e dos países é a esperança de encontrar as saídas e soluções fáceis.
Sem crise não há desafios, sem desafios, a vida é uma rotina, uma lenta agonia. Sem crise não há mérito. É na crise que se aflora o melhor de cada um.

Falar de crise é promovê-la, e calar-se sobre ela é exaltar o conformismo.

Em vez disso, trabalhemos duro. Acabemos de uma vez com a única crise ameaçadora, que é a tragédia de não querer lutar para superá-la.”


Vamos fazer a nossa parte e lutar para reverter este cenário que vivemos e como dizem: Toda crise é uma oportunidade, então saibamos aproveitá-la!



Participação:
Viviane Tavares
Compras Building/B-Lux
compras@building.ind.br 

About Giselle Forestiero

Obrigado por visitar o Blog da B-Lux Tomadas e Interruptores.