29.5.17

JBC: Edição Maio 2017


Confira a Edição de Maio de 2017 do JBC Online.



O JBC (Jornal Building Conectores) é um informativo distribuído internamente na Building Industrial de Conectores, com o objetivo da divulgação das melhorias implantadas em todos os setores, eventos, promoções, participações dos colaboradores, históricos de tempo de casa e outros.

23.5.17

Atenção: Manutenção na Região Telefones


Atenção: Manutenção na Região estamos sem telefones (Vivo) por favor entrar em contato NETFONE 11 3895-9260

Atualização deste artigo:

Nossos telefones estão normalizados desde as 16:00 horas do dia 23/05/2017 

Muito obrigado!

Televendas 11 2621-4811

22.5.17

Aprenda a usar o círculo cromático e acerte na combinação de cores

A roda de cores ou círculo cromático será a sua ferramenta para consultas diárias quando quiser fazer combinações diferentes com as cores e não errar!


 Disco de Cores RYB


Existem outros discos de cores como o RGB, mas o disco de cores RYB é o melhor na indicação das cores harmônicas.

Para entender como funciona a roda de cores, primeiro vamos entender como ela é formada. 


Cores Primárias, Secundárias e Terciárias


A roda de cores é formada pelas cores primárias, secundárias e terciárias.

Cores Primárias: São as cores que não podem ser formadas por nenhuma mistura e são: azul, vermelho e amarelo.

Estas são as cores iniciais que darão origem as cores secundárias.

Cores Secundárias
: São as cores que surgem da mistura de duas cores primárias e são: laranja, violeta/roxo, verde.


Cores terciárias: São formadas a partir da combinação de uma cor primária com uma cor secundária.

De acordo com a Teoria das Cores e o sistema RYB (Red, Yellow e Blue), as principais cores terciárias são estas seis:
•    vermelho-arroxeado (vermelho + roxo)
•    amarelo-esverdeado (amarelo + verde)
•    amarelo-alaranjado (amarelo + laranja)
•    vermelho-alaranjado (vermelho + laranja)
•    azul-esverdeado (azul + verde)
•    azul-arroxeado (azul + roxo) 


Cores Quentes e Frias


 
Classificação das cores em frias e quentes e representação das cores
Primárias (P), Secundárias (S) e Terciárias (T) no Círculo Cromático.

 

Combinações Harmônicas entre as Cores


Existem diversas combinações, porém abaixo citaremos as combinações mais comuns.

As duas harmonias seguintes não estão baseadas no Círculo das Cores, mas também são bastante utilizadas.


1.    Combinação por Monocromia:

Combinação mais simples de ser feita, pois se usa a mesma cor, mas em diferentes tons, desde o mais claro até o mais escuro.

É depois da complementar uma das combinações mais usadas e é muito interessante para pequenos espaços.

Proporciona um efeito agradável, porém, cansa rápido, sendo mais recomendado para montagens passageiras.




2.    Combinação de Tom sobre Tom


É uma harmonia semelhante à Monocromia, porém, ao invés de usar uma única cor, utilizam-se cores próximas (de um mesmo grupo) variando as tonalidades. Este tipo de harmonia confere sobriedade e efeitos bastante agradáveis.



Abaixo algumas combinações feitas usando o círculo das cores.



3.    Combinação com Cores Complementares

Para identificar uma cor complementar, basta examinar o círculo cromático (onde estão dispostas as cores primárias, secundárias e terciárias) e achar as cores que estão de lados opostos no círculo.

Trata-se de uma harmonia bem contrastante, pois teremos sempre uma cor quente e outra fria.

O vermelho é complementar do verde e o azul é complementar do laranja.

Em qualquer trabalho devemos escolher uma cor dominante e sua cor complementar será usada em menores proporções, apenas para dar equilíbrio à composição.

A mistura de cores complementares pode gerar cores neutras, que variam entre tonalidades de cinza, do marrom e do bege, por exemplo.


4.    Combinação com Cores Análogas

Combinação feita com três cores consecutivas no Círculo Cromático, que podem ser quentes, frias ou temperadas. São análogas porque há nelas uma mesma cor básica.

Uma cor domina a combinação enquanto as coadjuvantes alegram e trazem riqueza para a combinação.

Produz um efeito agradável, porém logo se torna cansativo.

Dica: evite a mistura de cores quentes e frias na mesma harmonia.



5.    Combinação em Triangulação

São as cores que formam um triângulo equilátero ou com a mesma distância dentro do Círculo Cromático.

É um tipo de harmonia bem contrastante e deve ser usada com cautela, buscando sempre dar destaque a uma cor.



6.    Combinação com Cores Meio-complementares

Escolhe-se uma cor junto com as duas vizinhas da sua Complementar Direta. É mais rica do que a harmonia complementar, com a quebra de contraste imediato.



7.    Combinação em Retângulo

São duas duplas de Complementares Diretas cruzadas, intercalando uma cor. É uma harmonia bem contrastante, que produz efeitos interessantes.



8.    Combinação em Quadrado

São quatro cores que formam um quadrado dentro do Círculo. Esta combinação é também conhecida como Harmonia 90° e forma uma harmonia contrastante.



Para facilitar a vida de todos aqueles que desejam experimentar fazer diferentes combinações de cores encontrei um site chamado Palleton que possui a configuração de 4 tipos de combinações que aprendemos (monocromia, análogas, meio-complementares e retângulo) destacadas na imagem abaixo com a seta vermelha onde foi selecionada a opção de combinação para cores análogas. As cores são apresentadas no lado direito a medida que você desloca o mouse dentro do círculo do lado esquerdo conforme a imagem abaixo ilustra.


Este site pode te ajudar a construir o seu site e peças para divulgação.

Agora que você já aprendeu a combinar as cores, que tal colocar em prática na decoração da sua casa ou fazendo variações com as suas roupas?!


Fontes e Imagens:
ABRA
EDUK
SATIRO

16.5.17

Solte a criatividade montando o seu mini-jardim ou terrário!





Terrário em bomboniere 

Um terrário é um recipiente onde se reproduzem as condições ambientais necessárias para diferentes seres vivos total ou parcialmente terrestres.

Os terrários podem ter diversos tamanhos e serem feitos de diversos materiais (vasos de vidro, aquários, baleiros, lâmpadas sem uso, copos e, até mesmo, garrafas). Possuem sempre pelo menos uma de suas paredes feita de algum material transparente, geralmente vidro ou acrílico, para facilitar a visão do interior e normalmente contém pedras, carvão, terra e plantas que permitem observar o comportamento dos seres vivos no mundo natural.

Terrário em bomboniere fica divertido
com miniaturas de dinossauros

As espécies ideais para terrários são as que gostam de umidade, não exigem água diariamente, possuem folhas “pequenas” e crescimento lento, como Cacto, Fitônia, Barba de Velho, Mini Cálamo do Japão e Suculentas. 

Terrários em vidros semi-abertos

Lembre-se ainda que, se você for misturar diferentes espécies em um único terrário, procure plantas que tenham necessidades bastante parecidas, já que elas ocuparão o mesmo ambiente, ou seja, não é indicado misturar espécies de suculentas, que não necessitam de muita irrigação, com outras que gostam de água.
 

Terrários em gaiolas de ferro

Para decorar o artigo, invista em outros materiais básicos: areia, cascalho, pedrinhas, bonequinhos e entre outros detalhes que agradem o seu gosto.

Terrários em vidros geométricos de balcão ou aéreos 

Terrários aéreos fixos nas paredes substituem
quadros e levam a Natureza aos ambientes

Terrário em bomboniere recebe alguns elemen-
tos como bicicleta, o farol na praia e a placa
que nos transportam para um cenário praieiro

Terrário montado em um aquário com cactos, pedra, areia e um carro em
miniatura que nos levam para uma paisagem deserta


Mais um terrário montado em um pote de vidro

com cenário praieiro

Este terrário é perfeito para pessoas que tem pouco tempo para cuidar do jardim ou animais e também pouco espaço, sendo uma ótima opção para quem gosta da Natureza e quer relaxar usando a criatividade fazendo diversas criações no seu mini-jardim.

 
O charme deste terrário montado em vidro

semi-aberto é estar pendurado no suporte

de mesa e a planta saindo

Aprenda agora como montar seu terrário e leve-o para o seu escritório, para sua casa, presenteie os amigos e parentes com algo feito por ti!
Os terrários ficam perfeitos na decoração do banheiro e da cozinha e você vai levar apenas 10 minutos para montá-lo!
 
Terrários montados dentro de copos de vidro com cactos, areias coloridas 
ou pedras

Materiais:


  • Recipiente: vidro, aquário, bomboniere, copo, cerâmica, barro etc.;
  • Álcool e pano limpo;
  • Substrato preparado, nesta proporção: 3 partes de terra vegetal, 2 partes de areia e 1 parte de perlita;
  • Pedrinhas e cascalhos;
  • Mudas de plantas suculentas (de tamanho apropriado para o seu recipiente);
  • Adereços ao seu gosto: areia colorida, personagens, pedrinhas, conchas, etc.;
  • Ferramentas de jardinagem ou pode improvisar com colheres e palitos de diferentes tamanhos, pinça longa, pincel, etc.;
  • Borrifador de água


Passo a passo do terrário:

1-) Lave bem o recipiente com sabão, assim evitamos que algum fungo ou larva de inseto se prolifere. Espere secar completamente.

2-) Faça uma pequena camada com as pedrinhas ou cascalhos no fundo, para facilitar a drenagem caso haja um excesso de água já que o recipiente não tem furos.

3-) Use a sua imaginação e crie em sua cabeça mais ou menos o cenário que deseja reproduzir. Dessa forma não corre o risco de montar tudo e depois mudar de ideia.

4-) Retire suas plantas dos vasinhos, tomando sempre cuidado para preservar o máximo que conseguir do torrão original de terra em volta da raíz, garantindo assim uma melhor adaptação da planta e desta forma consegue saber a quantidade de terra necessária para completar no recipiente escolhido.

5-) Com auxilio de uma colher ou pá abra espaço para as mudas de plantas, acomode as mudas e caso o torrão seja grande, coloque-o dentro do recipiente e vá completando com o substrato preparado até a altura desejada.

6-) Colocadas as plantinhas, pressione levemente o solo em volta do tronco para que elas se acomodem melhor no novo solo.

7-) É sempre bom não deixar o solo exposto, isso faz com que água evapore mais rapidamente. Coloque uma pequena camada de pedrinhas e/ou areia para proteger seu solo.

8-) Enfeite o seu cenário com o que achar de mais interessante: pedras, tronquinhos, mini gravetos, personagens, areia colorida, o que vier na sua cabeça.


Abaixo escolhemos um vídeo para ilustrar uma montagem de terrário:

 


Para ver outras formas de decorar seu ambiente com flores e plantas veja a matéria "Decore a casa com plantas e flores de forma criativa!"

 

Fontes:

WIKIPEDIA
REVISTAGLOBORURAL

Imagens: 

PINTEREST